Clique sobre a ave de sua preferência para apresentação das especificações.

P A V Õ E S
   
Existem 2 ( duas ) espécies originais de pavões: o pavão Azul ou Indiano e o pavão Verde ou Spicifer, provenientes de Java, Burma, Indo-China e Sião.
As outras variedades que existem atualmente em cativeiro como o Branco, Ombros - Negros, Arlequim, Spalding e o Cameo, foram obtidas e fixadas através de anos de cruzamentos especiais nos USA.
O pavão Branco e o Ombros-Negros são variedades do pavão Azul, o Arlequim ( raça não fixada ) é uma mistura do pavão Branco com o pavão Azul e o pavão Spalding foi obtido através do cruzamento do pavão Azul e o pavão Verde de Java.
Uma outra variedade de pavão descoberta há uns 50 anos atrás, nas florestas do Congo, é o pavão Congo que possui o tamanho de uma galinha Rhode Island. Não se tem notícias de sua criação em cativeiro.
O tamanho dos viveiros em média é de 5m x 5m x 2m de altura cobertos pela metade e com piso de areia. Os viveiros são desinfetados 2 (duas) vezes ao ano, utilizando-se cloro ou amônia quaternária, e as aves são vermifugadas também por 2(duas) vezes ao ano.
Se reproduzem com 2 anos (Pavões Azuis, Brancos e Ombros - Negros) e 3 anos para o caso do pavão Verde de Java.
A eclosão dos ovos, para todas as variedades é de 28 dias e os filhotes são vendidos geralmente com 1 ano de idade. Transportados de avião em embalagens especiais.
Alimentação é a mesma dos faisões, além de verduras e frutas.
 

Dicas de Pavões:

O pavão macho utiliza a sua cauda para despertar o interesse da fêmea

O pavão é uma ave ornamental chamativa e elegante por suas cores. Sua cauda de pavio, quando aberta, desperta o interesse de todos ao redor. É um animal de fácil manejo que tem uma única exigência, um poleiro alto para que ele caiba com conforto, afinal trata-se de uma ave grande.

O pavão macho utiliza a sua cauda para despertar o interesse da fêmea. Com seu leque de aproximadamente dois metros de diâmetro, com cerca de 200 penas de diferentes tamanhos, ele acaba chamando a atenção.

Os machos começam a perder suas penas assim que as fêmeas começam a postura. Essas penas são muito buscadas para a fabricação de fantasias, para a decoração e a confecção de outros objetos de adorno.

A criação dessa ave ornamental traz lucros. Um casal adulto chega a custar cerca de R$ 1.500, eles vivem, em média, 16 anos e reproduzem bem até seis anos de idade. O pavão é uma ave que come pouco em relação ao seu peso, diferentemente das galinhas por exemplo. Para iniciar uma criação de pavão, você precisará ficar atento à necessidade básica, um poleiro alto.

Um fator importante em relação a essa atividade é que o clima tropical do Brasil é propício para a reprodução dessa ave. Muitos dias de sol fazem com que os pavões reproduzam mais. É importante saber também que a venda da carne de pavão não gera lucros por ser dura, portanto invista no mercado de aves ornamentais.

Confira as dicas

Inicie a criação adquirindo pavões de criadores conceituados no mercado, e exija sempre o exame de sanidade das aves.
Escolha a espécie e peça conselhos para criadores mais experientes.

As aves podem ser criadas soltas na propriedade. Porém, o ideal é que sejam mantidas em viveiros, que obedeçam o tamanho de seis metros quadrados para cada ave, com dois metros de altura.

Utilize a proporção de um macho para cada duas ou três fêmeas.

 
PAVÃO Verde   PAVÃO Arlequim
VIVEIRO: 5M x 5M x 2M   VIVEIRO: 5M x 5M x 2M
POSTURA: 12 a 20 ovos/ano   POSTURA: 12 a 20 ovos/ano
ECLOSÃO: 28 dias   ECLOSÃO: 28 dias
     
 
PAVÃO Ombros-Negros   PAVÃO Azul
VIVEIRO: 5M x 5M x 2M   VIVEIRO: 5M x 5M x 2M
POSTURA: 12 a 20 ovos/ano   POSTURA: 12 a 20 ovos/ano
ECLOSÃO: 28 dias   ECLOSÃO: 28 dias
     
   
PAVÃO Branco    
VIVEIRO: 5M x 5M x 2M    
POSTURA: 12 a 20 ovos/ano    
ECLOSÃO: 28 dias